página acima: Classes de Espíritos
Terceira ordem de Espíritos
Crianças e Adolescentes
DESAPARECIDOS
*

Pertencerão à terceira os que ainda se acham na parte inferior da escala: os Espíritos imperfeitos. A ignorância, o desejo do mal e todas as paixões más que lhes retardam o progresso, eis o que os caracteriza.

[9a - página 86 questão 97]

____Há também, entre os inferiores, os que não são nem muito bons nem muito mal, antes perturbadores e enredadores, do que perversos. A malícia e as inconseqüências parecem ser o que neles predomina. São os Espíritos estúrdios ou levianos.

[9a Introdução página 24]

____Os levianos ou estouvados, mais perturbadores do que malignos, que se comprazem antes na malícia do que na malvadez e cujo prazer consiste em mistificar e causar pequenas contrariedades, de que se riem.

[9a - página 87 questão 99]

Os Espíritos conhecem o princípio das coisas, conforme a elevação e a pureza que hajam atingido. Os de ordem inferior não sabem mais do que os homens.

[9a - página 160 questão 239]

____Os Espíritos inferiores se comprazem em nos induzir ao mal, pelo despeito que lhes causa o não terem merecido estar entre os bons. O desejo que neles predomina é o de impedirem, quanto possam, que os Espíritos ainda inexperientes alcancem o supremo bem. Querem que os outros experimentem o que eles próprios experimentam.

[9a - página 181 questão 281]

Espíritos imperfeitos

____CARACTERES GERAIS:

  • Predominância da matéria sobre o Espírito.
  • Propensão para o mal. Ignorância, orgulho, egoísmo e todas as paixões que lhes são conseqüentes.
  • Têm a intuição de Deus, mas não O compreendem.
  • Nem todos são essencialmente maus.
  • Em alguns há mais leviandade, irreflexão e malícia do que verdadeira maldade.
  • Uns não fazem o bem nem o mal; mas, pelo simples fato de não fazerem o bem, já denotam a sua inferioridade.
  • Outros, ao contrário, se comprazem no mal e rejubilam quando uma ocasião se lhes depara de praticá-lo.
  • A inteligência pode achar-se neles aliada à maldade ou à malícia; seja, porém, qual for o grau que tenham alcançado de desenvolvimento intelectual, suas ideias são pouco elevadas e mais ou menos abjetos seus sentimentos.
  • Restritos conhecimentos têm das coisas do mundo espírita e o pouco que sabem se confunde com as ideias e preconceitos da vida corporal.
  • Não nos podem dar mais do que noções errôneas e incompletas; entretanto, nas suas comunicações, mesmo imperfeitas, o observador atento encontra a confirmação das grandes verdades ensinadas pelos Espíritos superiores.
  • Na linguagem de que usam se lhes revela o caráter.

____Todo Espírito que, em suas comunicações, trai um mau pensamento pode ser classificado na terceira ordem. Conseguintemente, todo mau pensamento que nos é sugerido vem de um Espírito desta ordem.

____Eles vêem a felicidade dos bons e esse espetáculo lhes constitui incessante tormento, porque os faz experimentar todas as angústias que a inveja e o ciúme podem causar.

____Conservam a lembrança e a percepção dos sofrimentos da vida corpórea e essa impressão é muitas vezes mais penosa do que a realidade.

____Sofrem, pois, verdadeiramente, pelos males de que padeceram em vida e pelos que ocasionam aos outros. E, como sofrem por longo tempo, julgam que sofrerão para sempre. Deus, para puni-los, quer que assim julguem.

____Podem compor cinco classes principais.

[9a - página 89 2ª parte item 101] -

[37 - página 39] -Allan Kardec - Fevereiro/1858 - http://www.espirito.org.br/portal/codificacao/re/1858/02b-escala-espirita.html

____
____Eles parecem fazer o que querem e não ser submissos a nenhuma autoridade.

  • Por que uma ordem ou uma lei não prevalece para curvar esses Espíritos indisciplinados?
  • A que propósito vêm as suas falsas afirmações?
  • Que prazer acham em simular?

____Errais supondo que não há ordem, nem lei.

  • Sois vós que frustrais os esforços bem ordenados, abandonando as precauções indicadas; (Ver: Vigilância)
  • Observando-as, preservareis os vossos círculos e eliminareis metade da contradição e da impostura. (Ver: Prevenção da Obsessão)

____O que chamais o mal não desaparecerá, pois é uma necessidade da educação espiritual, e somos impotentes para vos salvar da prova que serve ao vosso desenvolvimento_progressivo. É preciso que passeis por ela. Tendes muito a aprender e essa experiência prática é uma das estradas instrutoras. Há Espíritos que se deleitam em simular e que podem, sob certas condições, levar longe uma fraude cuidadosamente preparada.

  • Tomam os nomes que vêem desejados e respondem por aqueles a quem esses nomes pertencem.
  • Podem ser excluídos, se forem observadas atentamente as condições e se forem secundados pelos esforços de um guia enérgico capaz de proteger o grupo.

____Em muitos círculos toda facilidade é oferecida à intervenção desses Espíritos, por estar-se curiosamente ávido de fenômenos. Amigos pessoais são chamados, nenhuma fiscalização é exercida para se certificar se o Espírito que responde é verdadeiramente um amigo ou um mistificador. Insensatas perguntas são apresentadas e insensatas respostas aceitas com empenho. Pode-se estranhar a alegria dos não desenvolvidos?...

____...Falamos dos adversários e dos perigos a que eles arrastam, mas há também outras causas de incômodo para nós. Uma multidão de Espíritos que deixaram a Terra não são nem muito progressistas, nem muito atrasados; a maioria não é nem muito má, nem muito boa. Os Espíritos bastante adiantados gravitam rapidamente através das esferas_mais_aproximadas_da_Terra e a elas não voltam a não ser quando uma missão especial os chama.
____Resta-nos falar do procedimento de uma classe de Espíritos que, por intenção malévola, por gracejo ou gosto de mistificar,...

  • freqüentam as sessões,
  • imitam manifestações,
  • usam nomes supostos,
  • dão informações que desorientam.

____Esses Espíritos não são maus, mas desequilibrados somente:

  • têm prazer em atormentar os médiuns e os grupos
  • dão um tom exagerado às comunicações,
  • introduzem falsos elementos,
  • lêem no pensamento a resposta a dar
  • imitam e zombam dos sentimentos daqueles que lhes dão confiança e com eles se divertem
  • são eles que simulam parentes cuja presença é desejada
  • que tornam impossível a verdadeira identificação dos amigos.

____A maior parte das anedotas correntes, sobre a volta_de_amigos_de_além-túmulo, são devidas a esses Espíritos que introduzem também a nota cômica ou de mau gosto nas comunicações. Não são, em verdade, moralmente conscientes, e orarão de bom grado se lhes pedirem, indo da galhofa à astúcia maliciosa. Não têm aspiração além do presente, nem desejo de molestar, e querem apenas se divertir.

  • São esses Espíritos que sugerem desejos e pensamentos contrários ao que existe e deve existir.
  • Vêem, com impaciência, os nobres projetos e insinuam a oposição material
  • Ocupam-se muito das manifestações_físicas, para as quais são habitualmente muito hábeis, e têm satisfação em apresentar assombrosos fenômenos com o fim de perturbar as inteligências.
  • A obsessão, a possessão e as formas variadas de importunidade espiritual vêm muitas vezes deles, que são capazes de influenciar até a alma de um espírito quando se apoderam dele.
  • São eles ainda que enganam as pessoas que pedem informações pessoais;
    • dão respostas plausíveis e desorientam os argüidores mistificados
    • se um amigo apareceu uma vez em um grupo, trazendo uma boa prova, na próxima ocasião o lugar desse amigo ou dessa amiga será ocupado por um desses Espíritos, que dará respostas vagas e pouco satisfatórias.

____é sempre prudente afastar quanto possível o elemento pessoal para evitar abrir caminho à mentira.

[108 - páginas 236; 238/239] - Médium: William Stainton Moses - (1839 - 1892)

Ver também:
*