Plasticidade

Página acima

Plasticidade (propriedade do Perispírito)

        O Perispírito molda-se de acordo com o comando plasticizante da Alma. Tal fato explica o fenômeno de rejuvenescimento que experimentam os Espíritos desencarnados.

 

        A forma que assume, pode, às vezes, e em certos limites, dizer muito:

  • com a capacidade intelectual, 

  • com o desenvolvimento da vontade

  • com o treinamento mental, independente do aperfeiçoamento moral. 

        Só podem adequar-se aos moldes que digam com as vivências pretéritas e atuais do Espírito, ou seja, com a sua realidade íntima. A possibilidade de alterar a indumentária perispiritual é limitada ao padrão evolutivo, intrínseco a cada Alma.

 

[1 - páginas 32 e 33]

O Espírito pode assumir as formas de uma pessoa encarnada, se tiver a capacidade mental, chegando até tornar-se tangível (“singular fenômeno dos agêneres”).

[1 - página 36]

Ver também:

 

Crianças e Adolescentes

DESAPARECIDOS