Pais
: João Pinheiro de Souza e Paula Pereira Monteyra



Pais: Matheus da Costa e Antonia Ferreira



Casamento: (1ª núpcias)

Jose Pinheiro de Souza

Thereza Maria de Jesus

Tenente Coronel

Jose Pinheiro de Souza batizado na Sé do Rio de Janeiro. Na Igreja do Santíssimo Sacramento em 09-11-1782 casou em primeiras núpcias com Teresa Maria de Jesus, filha de Mateus da Costa e Antonia Ferreira.

Rio de Janeiro, RJ Igreja do Santissimo Sacramento aos 09-11-1782 na cathedral se recebeu por palavras de presente Jose Pinheiro de Souza, filho leg. de João Pinheiro de Souza e Paula Pereira Monteiro, batizado na Sé desta Cidade, com Tereza Maria de Jesus, filha leg. Matheos da Costa e Antônia Ferreira, batizada na mesma Sé. Testemunhas Jose Gonçalves Marques e João Teixeira Guimarães.

http://www.projetocompartilhar.org/Familia/JoaoPinheirodeSouza.htm


Teresa Maria faleceu em 10-11-1794 e foi inventariada por Jose em 1796.

Arquivo Nacional – RJ - Paty do Alferes, 1796

Inventário de Teresa Maria de Jesus – invte Jose Pinheiro de Souza (viúvo)

Ela fal. em 10/11/1794

Monte-mor: 3:393$957.

http://www.projetocompartilhar.org/Familia/JoaoPinheirodeSouza.htm



Filhos:

  1.  Mariana, com 12 para 13 anos no inventário materno.

  2. João, com nove anos em 1796. Capitão João Pinheiro de Souza, testemunha na dispensa matrimonial da filha Francisca, declarou ter 48 anos e “ser pai da oradora e tio do orador”. Foi casado com Isabel Maria da Visitação, filha do sargento-mor Francisco das Chagas Werneck.
    Jõao Pinheiro de Souza c.c. Isabel Maria da Visitação


 



Casamento: (2ª núpcias)

Jose Pinheiro de Souza

Maria do Carmo Werneck


(Viúvo de Thereza Maria de Jesus acima)

Jose Pinheiro de Souza casou em segundas núpcias com Maria do Carmo Werneck, natural da Sé do Rio de Janeiro, filha do Capitão Ignácio de Sousa Vernek e de Dona Francisca das Chagas.

http://www.projetocompartilhar.org/Familia/JoaoPinheirodeSouza.htm

1ª filha
nasceu em: 17-7-1770

Maria do Carmo foi inventariada em 1858, compareceram quatro filhos

Centro de Documentação Histórica da Universidade Severino Sombra –Vassouras – RJ

Inventário de Maria do Carmo Werneck – Paty do Alferes, 1858

http://www.projetocompartilhar.org/Familia/JoaoPinheirodeSouza.htm



Filhos:

1- Joaquim Pinheiro de Souza Werneck, batizado em Paty do Alferes em 26/11/1798.

Paty do Alferes-RJ aos 26-11-1798 bat. Joaquim, q. nasceu aos 13 dias do mesmo novembro, f.l. de Jose Pinheiro de Souza e D. Maria do Carmo, ambos nts da paroquia da Sé do Rio de Janeiro, npaterno de João Pinheiro de Souza n. da freguesia de Unhão Arc. de Braga e de s/m Paula Pereira Monteira, natural da freguesia do Pilar, e pela materna neto do Cap. Ignacio de Souza Vernek natural da freguesia da Piedade da Borda do Campo de minas e de s/m D. Francisca das Chagas natural da freguesia da Candelaria doa Rio de Janeiro. Foram padrinhos Manoel de Azevedo Mattos e D. Ignacia Delfina filha do dito Cap. Vernek moradores nesta freguesia.

2- Maria Francisca da Anunciação faleceu com testamento em 12-03-1875. Solteira, sem geração.

Centro de Documentação Histórica da Universidade Severino Sombra –Vassouras – RJ

Testamento de Maria Francisca da Anunciação, fal. em 12/03/1875, Paty do Alferes

Sou natural da província do RJ, filha leg. de Jose Pinheiro Werneck e de sua mulher Maria do Carmo Werneck, ambos já fal., Nunca fui casada e nem tive filho algum. Quero ser sepultada no cemitério de Paty do Alferes.

3- Ignácio Pinheiro de Souza Werneck em 05-03-1823 requereu dispensa, dos impedimentos de consanguinidade de 3º grau misto ao 2º em linha transversal e em 4º grau igual, para se casar com Francisca Luiza de Jesus (1-5-1), filha de Francisco Quirino da Rocha e da falecida Luisa Maria de Jesus.

Arquivo da Cúria Metropolitana do RJ

Habilitação matrimonial de Ignácio Pinheiro de Souza Vernek e d. Francisca Luiza de Jesus – 05/03/1823 –

Dizem os oradores Ignácio Pinheiro de Souza Vernek e d. Francisca Luiza de Jesus, moradores nesta freg. de N. S. da Conceição do Alferes, que eles se contrataram para casar e que não podem porque lhes obsta o impedimento de 3° grau misto ao 2° em linha transversal

- Que Jose Pinheiro de Souza é irmão de Manoel Pinheiro de Souza, que deste nasceu Luiza Maria de Jesus, mãe da oradora Francisca Luiza de Jesus, e daquele nasceu o orador Ignácio Pinheiro de Souza Vernek.

- Que os oradores são das famílias principais do lugar, e a oradora é órfã de mãe.

- Test. Manoel Pinheiro de Souza, viúvo, natural do Rio de Janeiro, morador nesta freg. do Alferes, vive de lavoura, de idade de 74 anos, e ao costume disse ser tio do orador...

- Test. Jose de Souza Vernek, cas., nat. desta freg. do alferes, onde é morador, de idade de 32 anos, e ao costume disse ser tio do orador...

Outro impedimento: de 4° grau igual:

- Que Francisco das Chagas era irmão de Paula Monteira, e que desta nasceu Manoel Pinheiro de Souza, deste Luiza Maria de Jesus, mãe da oradora; e daquele, nasceu d. Francisca das Chagas, desta d. Maria do Carmo, mãe do orador.

4- Jose Pinheiro de Souza Werneck - inventariante - casado 1ª vez com: Angela Eufrásia Goulart - casado 2ª vez com: Thereza Peregrina de Souza Werneck

http://www.projetocompartilhar.org/Familia/JoaoPinheirodeSouza.htm

Ver também: ANUáRIO GENEALóGICO BRASILEIRO 5ª PARTE: FAMíLIAS BRASILEIRAS - WERNECK

.

 

INÍCIO      BIBLIOGRAFIA     LINK     ÍNDICE     OUTROS     INVENTÁRIOS