Teologia Gnóstica
página acima

Crianças e Adolescentes
DESAPARECIDOS
*

Gnose - Gnosticismo

____Gnose é o substantivo do verbo gignósko, que significa conhecer. Gnose é conhecimento superior, interno, espiritual, iniciático. No grego clássico e no grego popular, koiné, seu significado é semelhante ao da palavra epistéme.

____Em filosofia,...

  • epistéme significa "conhecimento científico" em oposição a "opinião",
  • enquanto gnôsis significa conhecimento em oposição a "ignorância", chamada de ágnoia.

____A gnose é um conhecimento que brota do coração de forma misteriosa e intuitiva. É a busca do conhecimento, não o conhecimento intelectual, mas aquele conhecimento que dá sentido à vida humana, que a torna plena de significado porque permite o encontro_do_homem_com_sua_Essência Eterna e maravilhosa.

____O objeto do conhecimento da Gnose é Deus, ou tudo o que deriva dEle. Toda gnose parte da aceitação firme na existência de um Deus absolutamente transcendente, existência que não necessita ser demonstrada. "Conhecer" significa ser e atuar, na medida do possível ao ser humano, no âmbito do divino. Por isso, "conhecer" implica a salvação de todo o mal (Ego) em que possa estar imerso o homem que venha a possuir esse "conhecimento".

____Gnose é ao mesmo um conceito religioso e psicológico, além de científico, filosófico e artístico. A partir desta visão, o significado da vida aparece como uma transformação e uma visão interior, um processo ligado ao que hoje se conhece como psicologia profunda.

____O desejo e as tentativas de conseguir amor e felicidade são a saudade inesgotável do Pleroma, ou seja, da Plenitude do Ser, que é o verdadeiro lar da alma. O desejo desse "conhecimento" é uma nostalgia das origens e procede de um original anelo humano de alcançar a Unidade, do desejo natural, perene e universal, de fusão do homem com o Ser, do qual acredita ter sido originado.

____A Gnose é o comportamento religioso que traduz esta profunda e dolorosa sensação que sentem os homens e mulheres pela separação dos pólos humano e divino. É , no fundo, uma tentativa de compreensão das relações entre o homem e a divindade.

____Para Jung, muitos gnósticos nada mais eram do que psicólogos. "A gnose é, indubitavelmente, um conhecimento psicológico, cujos conteúdos provêm do inconsciente. Ela chegou às suas percepções através de uma concentração da atenção sobre o chamado "fator subjetivo" que consiste, empiricamente, na ação demonstrável do inconsciente sobre a consciência. Assim se explica o surpreendente paralelismo da simbologia gnóstica com os resultados a que chegou a psicologia profunda".

http://www.gnosisonline.org/Teologia_Gnostica/index.shtml

____Gnosticismo é um termo derivado da palavra grega (gnosis) e significa conhecimento. Sua aplicação está na representação de um movimento religioso que influenciou o mundo Mediterrâneo desde o primeiro século antes de Cristo até o terceiro século depois de Cristo. O Gnosticismo se expressou como uma variedade de formas pagãs, judias e Cristãs, mas era na verdade muito mais que isso.

http://www.gnosisonline.org/Teologia_Gnostica/Valentino_de_Alexandria.shtml

____ ____Gnosticismo - este movimento é anterior ao Cristianismo. Tem suas raízes na ciência sagrado do Egito e na filosofia Grega. A palavra GNOSIS, revestia-se de um significado místico, designando o conhecimento dos mistérios divinos revelados a poucos escolhidos. Incluía nesses ensinamentos matemática, filosofia, teosofia, astrologia...

____O sentido principal das ideias gnósticas, consiste na narração do destino da alma. Ela pertence ao mundo celestial, desce a terra prisioneira da matéria. A vida consiste em buscar um caminho de volta para o mundo celestial. Quando chegou a boa nova do Cristianismo, em Alexandria pelo apóstolo Marcos, logo os adeptos do Gnosticismo perceberam que conhecimento das palavras de Jesus, poderia elevar a alma ao mundo celestial.

____Contemplar Deus exige um grau superior do saber mágico.

http://paginas.terra.com.br/servicos/ecard/apocrifosonline/evangelhos_gnosticos/gnosticismo.htm

____Gnose é o substantivo do vergo gignósko, significa conhecer. Gnose é conhecimento. No grego clássico e no grego popular, koiné, seu significado é semelhante ao da palavra epistéme. Em filosofia, epistéme significa "conhecimento científico" em oposição a "opinião", enquanto gnôsis significa conhecimento em oposição a "ignorância", chamada de ágnoia.

____A gnose é um conhecimento que brota do coração de forma misteriosa e intuitiva. É a busca do conhecimento, não o conhecimento intelectual, mas aquele conhecimento que dá sentido à vida humana, que a torna plena de significado porque permite o encontro do homem com sua essência.

____O objeto do conhecimento da Gnose é Deus, ou tudo o que deriva dele.

http://www.sobrenatural.org/Site/Apocrifos/Gnosticismo/Introducao.asp

____Embora o pensamento gnóstico já existisse no seio da religião hebraica mesmo antes da vinda de JESUS, os ensinamentos dessa doutrina somente tomaram vulto a partir dos primeiros séculos do Cristianismo.
____Os Gnósticos admitiam que o conhecimento, que denominavam de Gnosis, podia chegar ao homem por meio de transes - quando o espírito fica livre para circular pelas diversas esferas - assim como pelos sonhos, conforme muitas citações bíblicas dizem ser possível. "Conhece a verdade e ela te libertará" - Bíblia Sagrada.

http://www.joselaerciodoegito.com.br/site_dou_gno.htm

____Aqueles que escreveram e divulgaram esses textos não se consideravam  “hereges”. A maioria dos escritos emprega a terminologia cristã relacionada de modo inequívoco à herança judaica. Muitos alegam oferecer tradições secretas e ocultas sobre Jesus aos muitos que formaram, noséculo II, a chamada “igreja católica”. Esses cristãos são hoje conhecidos como gnósticos, termo proveniente da palavra grega Gnosis, em geral traduzida como “conhecimento”.

  • Aqueles que dizem não saber nada sobre a realidade suprema são chamados agnósticos (literalmente, “sem conhecimento”),
  • e o indivíduo que afirma conhece-la é gnóstico (“conhecedor”).

____Mas gnosis não é, em princípio, conhecimento racional. A língua grega distingue conhecimento científico ou conhecimento reflexivo (“Ele conhece matemática”) e conhecimento por meio da observação ou experiência (“Ele me conhece”), que significa gnosis. Como os gnósticos utilizam o termo, poderíamos traduzi-lo como sabedoria”, pois gnosis envolve o processo intuitivo do conhecimento_de_si_mesmo. Conhecer a si mesmo, como afirmam, é conhecer a natureza e o destino humanos. Segundo o professor gnóstico Teódato, que escreveu na Ásia Menor (ca. 140-160 d.C.), o gnóstico é aquele que chega a compreender quem somos e o que nos tornamos; onde estávamos e para onde vamos (...)para onde partimos apressados; do que estamos sendo libertados; o que é nascimento e o que é renascimento.

____Contudo, conhecer a si próprio, no nível mais profundo, é ao mesmo tempo conhecer Deus; este é o segredo da gnosis. Outro professor gnóstico, Monoimus, diz:Abandone a procura por Deus, pela criação e por outros assuntos de natureza semelhante. Procure por ele tomando a si mesmo como ponto de partida. Aprenda quem está dentro de você que torna tudo seu e diga:

____Aprenda as fontes de ...

____(...) Seinvestigar com cuidado esses assuntos encontrará Deus em si mesmo.

[84 - Introdução XX]

O gnosticismo é, antes de tudo, um movimento pré—cristão, com raízes próprias. Deve ser entendido, portanto (...) em seus próprios termos, e não como ramo ou subproduto da religião cristã. 43

43- W. Bousset, Kyrios Christos (1ª edição, Göttingen, 1913; 2ª ediçãp, 1921; trad. para o inglês, 1970), 245.

[84 - Introdução XXXIII]

____Clemente de Alexandria, contemporâneo de Irineu, relata que havia uma gnosis monádica”; e as descobertas de Nag-Hammadi também revelam que o gnosticismo valentiniano a forma mais influente e sofisticada de ensinamento gnóstico e a que mais ameaçava a_igreja diferia bastante do dualismo. O tema da unidade de Deus domina a seção de abertura do Tratado Trip artido, um tratado valentiniano que descreve a origem de todos os seres. O autor descreve Deus como um único Senhor e Deus (...) pois ele não foi gerado (...) No sentido próprio, então, o único Pai e Deus é aquele que ninguém gerou. Foi ele quem criou e gerou o universo (cosmos). 10
____Uma Exposição Valentiniana
fala de Deus como: [Raiz] do Todo, o [Ser Inefável que] habita na Mônada. [Ele habita sozinho em silêncio (...) pois, depois de tudo, [ele era] uma Mônada, e não havia ninguém antes dele...

(Ver: Mônadas fundamentais (celestes))

10 - Tratado Tripartido 51.24-52.6, em NHL, 55.

[84 - página 33]

____Quando Valentino foi do Egito para Roma (ca. 140). Mesmo os inimigos falavam dele como um homem brilhante e eloqüente; 38 os admiradores o reverenciavam como poeta e mestre espiritual. Uma tradição atribui o poético e evocativo Evangelho da Verdade, descoberto em Nag Hammadi, a Valentino. Ele afirmava que, além de ter recebido a tradição cristã que todos os fiéis têm em comum, recebera também de Teudas, um discípulo de Paulo, a iniciação na doutrina secreta de Deus. 39 Paulo ensinava a sabedoria secreta, como dizia, não a todos, nem em público, mas apenas aos poucos eleitos que considerava espiritualmente maduros. 40 Valentino, por sua vez, oferecia iniciar “os que estão maduros” 41 em sua sabedoria, pois nem todos são capazes de compreendê-la.

Ver também:
*