página acima: Homem
Sono natural = Hipnose natural
Crianças e Adolescentes
DESAPARECIDOS
*

Durante o sono, a alma não repousa como o corpo. O Espírito jamais está inativo. Durante o sono, afrouxam-se os laços que o prendem ao corpo e, não precisando este então da sua presença, ele se lança pelo espaço e entra em relação mais direta com os outros Espíritos.

[9a - página 222 questão 401]

____Em o que chamas sono, só há o repouso_do_corpo, visto que o Espírito está constantemente em atividade. Recobra, durante o sono, um pouco da sua liberdade e se corresponde com os que lhe são caros, quer neste mundo, quer em outros. Mas, como é pesada e grosseira a matéria que compõe, o corpo dificilmente conserva as impressões que o Espírito recebeu, porque a este não chegaram por intermédio dos órgãos corporais.

[9a - página 224 questão 403]

____Na maioria das vezes olvidamos do que se passa no sono. Mas, ao despertarmos, guardamos a intuição desse fato, do qual se originam certas ideias que nos vêm espontaneamente, sem que possamos explicar como nos acudiram. São ideias que adquirimos nessas confabulações.

[9a - página 228 questão 415]

Não esqueçamos que o desprendimento no sono físico vulgar é fragmentário e que a visão e a audição, peculiares ao encarnado, se encontram nele também restritas.

[103 - páginas 201] - André Luiz

____Num estado que ainda não é bem o do adormecimento, estando com os olhos fechados, vemos imagens distintas, figuras cujas mínimas particularidades percebemos. Estando entorpecido o corpo, o Espírito trata de desprender-se. Transporta-se e vê. Se já fosse completo o sono, haveria sonho.

[9a - página 225 questão 409]

____A atividade do Espírito, durante o repouso, ou o sono corporal, pode fatigar o corpo. Pois que o Espírito se acha preso ao corpo qual balão cativo ao poste. Assim como as sacudiduras do balão abalam o poste, a atividade do Espírito reage sobre o corpo e pode fatigá-lo.

[9a - página 227 questão 412]

____
____Através das correntes magnéticas suscetíveis de movimentação, quando se efetua o sono dos encarnados,...

____Ainda são poucos, relativamente, os irmãos encarnados que sabem dormir para o bem...

[103 - página 203] - André Luiz


____O sono liberta a alma parcialmente do corpo. Quando dorme, o homem se acha por algum tempo no estado em que fica permanentemente depois que morre. Tiveram sonos inteligentes os Espíritos que, desencarnando, logo se desligam da matéria. Esses Espíritos, quando dormem, vão para junto dos seres que lhes são superiores. Com estes viajam, conversam e se instruem. Trabalham mesmo em obras que se lhes deparam concluídas, quando volvem, morrendo na Terra, ao mundo espiritual. Ainda esta circunstância é de molde a vos ensinar que não deveis temer a morte, pois que todos os dias morreis, como disso um santo.

____Isto, pelo que concerne aos Espíritos elevados. Pelo que respeita ao grande número de homens que, morrendo, têm que passar longas horas na perturbação, na incerteza de que tantos já vos falaram, esses vão, enquanto dormem, ou a mundos inferiores à Terra, onde os chamam velhas afeições, ou em busca de gozos quiçá mais baixos do que os em que aqui tanto se deleitam. Vão beber doutrinas ainda mais vis, mais ignóbeis, mais funestas do que as que professam entre vós. E o que gera a simpatia na Terra é o fato de sentir-se o homem, ao despertar, ligado pelo coração àqueles com quem acaba de passar oito ou nove horas de ventura ou de prazer. Também as antipatias invencíveis se explicam pelo fato de sentirmos em nosso íntimo que os entes com quem antipatizamos têm uma consciência diversa da nossa. Conhecemo-los sem nunca os termos visto com os olhos. É ainda o que explica a indiferença de muitos homens. Não cuidam de conquistar novos amigos, por saberem que muitos têm que os amam e lhes querem. Numa palavra: o sono influi mais do que supondes na vossa vida.

____Graças ao sono, os Espíritos encarnados estão sempre em relação com o mundo dos Espíritos. Por isso é que os Espíritos superiores assentem, sem grande repugnância, em encarnar entre vós. Quis Deus que, tendo de estar em contacto com o vício, pudessem eles ir retemperar-se na fonte do bem, a fim de igualmente não falirem, quando se propõem a instruir os outros. O sono é a porta que Deus lhes abriu, para que possam ir ter com seus amigos do céu; é o recreio depois do trabalho, enquanto esperam a grande libertação, a libertação final, que os restituirá ao meio que lhes é próprio.

[9a - página 222 questão 402]

I CORINTIOS [15]

  • 31 Eu vos declaro, irmãos, pela glória que de vós tenho em Cristo_Jesus nosso Senhor, que morro todos os dias.

____O sonambulismo natural e artificial, o êxtase e a dupla_vista são efeitos vários, ou de modalidades diversas, de uma mesma causa. Esses fenômenos, como os sonhos, estão na ordem da Natureza. Tal a razão por que hão existido em todos os tempos. A História mostra que foram sempre conhecidos e até explorados desde a mais remota antigüidade e neles se nos depara a explicação de uma imensidade de fatos que os preconceitos fizeram fossem tidos por sobrenaturais.

[9a - página 244 questão 455]

____Os bons_espíritos podem preveni-lo, pelos processos_intuitivos, quanto ao cuidado que deverá manter consigo mesmo no terreno das preocupações excessivas, mormente à noite, quando ocorrem os fenômenos desastrosos mais sérios de circulação, em vista da invigilância de muitas pessoas que se valem das horas sagradas do repouso físico para a criação de fantasmas cruéis, no campo vivo do pensamento.

[16a - página 69] - André Luiz - 1943

____Quando esse ou aquele irmão revela disposições mais avançadas para servir a bem de todos, em favor do império da luz, costuma ser imediatamente visitado, nas horas de sono físico, por entidades_renitentes_na_prática_do_mal, interessadas na extensão do domínio das sombras, que lhe desintegram convicções e propósitos nascentes com insinuações menos dignas, quando o espírito do trabalhador não está convenientemente apoiado no desejo robusto de progredir, redimir-se e marchar para a frente.

[96 - páginas 199] - André Luiz

  • Com a maioria de irmãos encarnados, o sono apenas reflete as perturbações fisiológicas ou sentimentais a que se entregam
  • entretanto, existe grande número de pessoas que, com mais ou menos precisão, estão aptas a desenvolver intercâmbio espiritual. (Ver: Emancipação da alma)

[103 - páginas 195] - André Luiz
____De passagem por nosso templo, rogo vênia para ocupar-lhes a atenção com alguns apontamentos ligeiros, em torno de nossas tarefas habituais.

  • Dia e noite, no tempo, simbolizam existência e morte na vida.
  • Não há morte libertadora sem existência edificante.
  • Não há noite proveitosa sem dia correto.

____Vocês não ignoram que a atividade espiritual da alma encarnada estende-se além do sono físico; no entanto, a invigilância e a irresponsabilidade, à frente de nossos compromissos, geram em nosso prejuízo, quando na Terra, as alucinações hipnagógicas, toda vez que nos confiamos ao repouso.

____É natural que o dia mal vivido exija a noite mal assimilada.

____O espírito menos desperto para o serviço que lhe cabe, certamente encontrará, quando desembaraçado da matéria_densa, trabalho imperioso de reparação a executar.

  • Por esse motivo, grande maioria de companheiros encarnados gasta as horas de sono exclusivamente em esforço compulsório de reajuste.
  • Mas, se o aprendiz do bem atende à solução dos deveres que a vigília lhe impõe, torna-se, como é justo, além do veículo_físico, precioso auxiliar nas realizações da Esfera Superior.

____Convidamos, assim, a vocês, tanto quanto a outros amigos a quem nossas palavras possam chegar, à tarefa preparatória do descanso noturno, através do dia retamente aproveitado, a fim de que a noite constitua uma província de reencontro das nossas almas, em valiosa conjugação de energias, não somente a benefício de nossa experiência particular, mas também a favor dos nossos irmãos que sofrem.

____Muitas atividades podem ser desdobradas com a colaboração ativa de quantos ainda se prendem ao instrumento carnal, principalmente na obra de socorro aos enfermos que enxameiam por toda parte.

____Vocês não desconhecem que quase todas as moléstias_rotineiras são doenças_da_ideia, centralizadas em coagulações de impulsos_mentais, e somente ideias renovadoras representam remédio decisivo.

____Por ocasião do sono, é possível a ministração de amparo direto e indireto às vítimas dos labirintos de culpa e das obsessões deploráveis, por intermédio da transfusão de fluidos_e_de_raios_magnéticos, de emanações_vitais e de sugestões salvadoras que, na maior parte dos casos, somente os encarnados, com a assistência da Vida Superior, podem doar a outros encarnados.

____E benfeitores da Espiritualidade vivem a postos, aguardando os enfermeiros de boa-vontade, samaritanos da caridade espontânea, que, superando inibições e obstáculos, se transformem em cooperadores diligentes na extensão do bem.

____Se vocês desejam partilhar semelhante concurso, dediquem alguns momentos à oração, cada noite, antes do mergulho no refazimento corpóreo.

____Contudo, não basta a prece formulada só por só.

____É indispensável que a oração tenha bases de eficiência no dia bem aproveitado,...

  • com abstenção da irritabilidade,
  • esforço em prol da compreensão fraterna,
  • deveres irrepreensivelmente atendidos,
  • bons pensamentos,
  • respeito ao santuário do corpo,
  • solidariedade e entendimento para com todos os irmãos do caminho,
  • e, sobretudo,...

    • com a calma que não chegue a ociosidade,
    • com a diligência que não atinja a demasiada preocupação,
    • com a bondade que não se torne exagero afetivo
    • e com a retidão que não seja aspereza contundente.

____Em suma, não prescindimos do equilíbrio que converta a oração da noite numa força de introdução à espiritualidade enobrecida, porque, através da meditação e da prece, o homem começa a criar a consciência nova que o habilita a atuar dignamente fora do corpo adormecido.

____Consagrem-se à iniciação a que nos referimos e estaremos mais juntos. É natural não venham a colher resultados, de imediato, nas faixas mnemônicas da recordação, mas, pouco a pouco, nossos recursos associados crescerão, oferecendo-nos mais alto sentido deintegração com a vida verdadeira e possibilitando-nos o avanço progressivo no rumo de mais amplasdimensões nos domínios do Universo.

____Aqui deixamos assinalada nossa lembrança que encerra igualmente um apelo ao nosso trabalho mais intensivo na aplicação prática ao ideal que abraçamos, porque a alma que se devota à reflexão e ao serviço, ao discernimento e ao estudo, vence as inibições do sono fisiológico e, desde a Terra, vive por antecipação na sublime imortalidade.

Instrução de Calderaro,instrutor Espiritual a que se reporta André Luiz, no livro "No Mundo Maior", através do médium Francisco Cândido Xavier, na noite de 17 de fevereiro de 1955

[79 - página 219]

As novas descobertas sobre o sono

____Diversos pesquisadores consideram que o sono serve, em primeiro lugar, para preservar a plasticidade do cérebro, ou seja, sua capacidade de mudar como reação imediata a uma experiência. Enquanto dormimos, os neurônios do cérebro comunicam-se uns com os outros, fortalecem conexões específicas, enfraquecem outras e apagam o que encaram como inútil. “À noite, o cérebro adormecido está livre do mundo e é um redemoinho de atividade”, observa o neurobiólogo Terrence Sejnwoski, chefe do Laboratório de Neurobiologia Computacional no Salk Institute em La Jolla, na Califórnia. “Os neurônios estão formando padrões coerentes que, sem o sono, não seriam nem de perto tão extensos, robustos, estáveis e flexíveis.”

Ver mais informações em: http://www.espiritismo.net/content,0,0,1772,0,0.html

Ver também:

*