página acima: Sexo
Instinto sexual
-
Crianças e Adolescentes
DESAPARECIDOS
*

É quase impossível conciliar as exigências

do instinto sexual com as da civilização.

(Sigmund Freud)

http://kdfrases.com/frase/101387

ORIGEM D0 INSTINTO SEXUAL

____Todas as nossas referências a semelhantes peças do trabalho biológico, nos reinos da Natureza, objetivam simplesmente demonstrar que, além da trama de recursos somáticos, a alma guarda a sua individualidade sexual intrínseca, a definir-se na feminilidade ou na masculinidade, conforme os característicos acentuadamente passivos ou claramente ativos que lhe sejam próprios.

____A sede real do sexo não se acha, dessa maneira, no veículo físico, mas sim na entidade espiritual, em sua estrutura complexa.

____E o instinto sexual, por isso mesmo, traduzindo amor em expansão no tempo, vem das profundezas, para nós ainda inabordáveis, da vida, quando agrupamentos de mônadas_celestes se reuniram_magneticamente_umas_às_outras para a obra multimilenária da evolução, ao modo de núcleos e eletrões na tessitura dos átomos, ou dos sóis e dos mundos nos sistemas macro-cósmicos da Imensidade.

  • Por ele, as criaturas transitam de caminho a caminho, nos domínios da experimentação multifária, adquirindo as qualidades de que necessitam;
  • com ele, vestem-se da forma física, em condições anômalas, ...

    • atendendo a sentenças regeneradoras na lei de causa_e_efeito ou
    • cumprindo instruções especiais com fins de trabalho justo.

____O sexo é, portanto, mental em seus impulsos e manifestações, transcendendo quaisquer impositivos da forma em que se exprime, não obstante reconhecermos que a maioria das consciências encarnadas permanecem seguramente ajustadas à sinergia mente-corpo, em marcha para mais vasta complexidade de conhecimento e emoção.

[56 - página 137] - Pedro Leopoldo-MG, 30/3/1958

ENFERMIDADES DO INSTINTO SEXUAL

____As cargas magnéticas do instinto, acumuladas e desbordantes na personalidade, à falta de sólido socorro íntimo para que se canalizem na direção do bem, obliteram as faculdades, ainda vacilantes, do discernimento e, à maneira do esfaimado, alheio ao bom senso, a criatura lesada em seu equilíbrio sexual costuma entregar-se à rebelião e à loucura em síndromes espirituais de ciúme ou despeito. À face das torturas genésicas a que se vê relegada, gera aflitivas conta s cármicas a lhe vergastarem a alma no espaço e a lhe retardaremo progresso no tempo.
____Daí nascem ...

  • as psiconeuroses,
  • Os colapsos nervosos decorrentes do trauma nas sinergias do corpo espiritual,
  • as fobias numerosas,
  • a “histeria de conversão”,
  • a “histeria de angústia”,
  • Os “desvios da libido”,
  • a neurose obsessiva,
  • as psicoses
  • e as fixações_mentais diversas que originam na ciência de hoje as indagações e os conceitos da psicologia de profundidade, na esfera da Psicanálise, que identifica as enfermidades ou desajustes do instinto sexual sem oferecer-lhes medicação adequada, porque apenas o conhecimento superior, gravado na própria alma, pode opor barreiras à extensão do conflito existente, traçando caminhos novos à energia criadora do sexo, quando em perigoso desequilíbrio.

(Ver: Cérebro ; Obsessão (ideia fixa) ; Após a morte ; Medicina e sexo)

____ Desse modo, por semelhantes ruturas dos sistemas psicossomáticos, harmonizados em permutas de cargas magnéticas afins, no terreno da sexualidade física ou exclusivamente psíquica, é que múltiplos sofrimentos são contraídos por nós todos, no decurso dos séculos, porquanto, se forjamos inquietações e problemas nos outros, com o instinto sexual, é justo venhamos a solucioná-los em ocasião adequada, recebendo por filhos e associados de destino, entre as fronteiras domésticas, todos aqueles que constituímos credores do nosso amor e da nossa renúncia, atravessando, muitas vezes, padecimentos inomináveis para assegurar-lhes o refazimento preciso.

____Compreendamos, pois, que ...

  • O sexo reside na mente,
  • a expressar-se no corpo espiritual,
  • e conseqüentemente no corpo_físico, por santuário criativo de nosso amorperante a vida, e, em razão disso, ninguém escarnecerá dele,desarmonizando-lhe a forças, sem escarnecer e desarmonizar a si mesmo.

[56 - página 141] - Pedro Leopoldo-MG, 30/3/1958

Ver também:
*