Pais:


Hipótese
- antepassados de Luzia
Jose Correia de Lemos e Francisca de Lira





Casamento:

Antonio Rodrigues da Guarda

Luzia Correia (de Lemos)
Que nasceu em fins do século XVI ou princípios do século XVII. Moravam na capitania do Espírito Santo

nasceu em fins do século XVI ou princípios do século XVII
[71]




Filhos:

  1. Maurício Correia (ou FERREIRA), pai de:

    1. João Leitão c.c Inês do Couto. Pais de:

      1. Francisco Leitão, nascido no Espírito Santo cerca de 1683 e que em 1733 estava em São Salvador, onde serviu de procurador do capitão mór Martim Correia.
        Casou se em Vitória (ES) com Inês de Souza, filha de Bartolomeu Aranha de Brito e Domingas de Oliveira da Silva.
        Ele morreu em 1748 (testamento de 22 de julho desse ano) e foi sepultado na matriz campista. Pais de oito filhos:

        1. Teresa Maria de Jesus, nascida em Vitória (ES) e que testou em Campos no dia 18 de abril de 1776.
          Teresa foi a primeira vez casada com Jose Fernandes Barboza, filho de João Fernandes Barboza e Apolônia de Mendonça. Ver tit. RODRIGUES DA CUNHA.
          Depois, a 14 de janeiro de 1761, ela se casou na matriz de São Salvador com Jose da Costa Ribeiro, natural de São Miguel de Chorente (?), termo de Barcelos (Portugal), filho de Gabriel da Costa e Maria Ribeiro.

      2. Antonio Teixeira de Souza, solteiro em 1748 e depois casado com Dionísia de Almeida, falecida em 1787 (auto de inventário iniciado a 24 de janeiro de 1790).

      3. Teodósia de Lírio, batizada em Vitória (ES) e casada (proclamas de 1717, onde ela se declarou grávida) com seu parente Francisco Teixeira da Costa, filho de João da Costa e Maria Teixeira.
        Francisco morreu viúvo no Espírito Santo em maio de 1740. Pais de:

        1. Inácio Teixeira da Costa, nascido em 1717 e habilitado "de genere et moribus" (para a vida sacerdotal) em 1749 no Rio de Janeiro. Foi com os parentes para Campos

      4. Beatriz Ferreira, nascida em 1701 e batizada na matriz de Vitória. Casou se (dispensa canônica de impedimento de parentesco de 1718) com seu primo Francisco Luis de Andrade, nascido cerca de 1695, filho do cap. Manuel Freire de Andrade e Beatriz de Lemos.
        O casal já vivia em comum há quatro anos, quando decidiu se casar. Pais de:

        1. Manuel Freire de Andrade, batizado em Vitória e que se habilitou para a vida eclesiástica no Rio de Janeiro.

      5. (hipótese) Maurício Ferreira, casado com Isabel da Rosa, ambos naturais de Vitória, no Espírito Santo. Pais de:

        1. Mateus Ferreira Leitão, nascido em Campos e que ali testou a 15 de setembro de 1792, casado com Ana Maria de Jesus. Tiveram nove filhos, todos falecidos menores.
          Um desse nome, nascido em 1719, residia na Coroa, termo da vila de São Salvador em 1784.

        2. Teodósio de Azevedo, casada com Maria dos Anjos, filha de Jose Vaz Ribeiro e Inês da Silva.

    2. Beatriz de Lemos c.c. Manoel Freire de Andrade, pais de:

      1. Francisco Luiz de Andrade [71], nascido em Vitória-ES cerca de 1695. Em 1732 morava em Vitória, onde servia como advogado dos auditórios [1] pág.177, casou com sua prima Beatriz_Ferreira, nascida em 1701 e batizada na matriz de Vitória, filha de João Leitão e Inês do Couto, neta paterna de Maurício Correia (ou FERREIRA). Casou-se com dispensa canônica de impedimento de parentesco de 1718. Em 1732 ele morava em Vitória, onde servia como advogado dos auditórios. O casal já vivia em comum há quatro anos, quando decidiu se casar
        Pais de:


        1. Manuel Freire de Andrade, batizado em Vitória e que se habilitou para a vida eclesiástica no Rio de Janeiro. [71]

           
        2. ???, pais de:
          1. Hipótese: Francisco Luís de Andrade - Tenente agregado em 1814 [27]

            1. Luiz Francisco Andrade c.c. Anna Maria dos Anjos, filha de Joaquim Miranda Franco e Maria Madalena dos Anjos, pais de:
              1. Francisca, batizada em 09/11/1834 - Vitória - ES - Padrinho: Tenente Jose da Rocha Tagarro



        3. Hipótese: Miguel_Freire_de_Andrade (Pardo), viúvo, inventariante c.c. Maria da Assumpção, falecida em 1814 [66], pais de:
          1. João Freire de Andrade 46 anos em 1814
          2. Anna Maria do Rozario -44 anos em 1814 (Hipótese: Casada com Jose Joaquim de Moraes)
          3. Catharina Maria - 40 anos em 1814
          4. Izabel Ferreira da Conceição - 30 anos em 1814
          5. Dionizio Freire de Andrade - 27 anos em 1814 [66]
          6. Inocencia Maria de S. Anna (já falecida em 1814[66]), mãe de:
            1. Victoria - 10 anos em 1814
            2. Francisco - 7 anos em


      2. Hipótese: Manoel Freire de Andrade, que também assinou REPRESENTAçãO dos Oficiais Militares da Vila da Vitória e Oficiais da Câmara e Bons do Povo da Vila de Guarapari, em 1747.

        Capitão
        Assinatura de Manoel Freire de Andrade, em 1747, Julho,14, Vila de Vitória - REPRESENTAçãO dos Oficiais Militares da Vila da Vitória e Oficiais da Câmara e Bons do Povo da Vila de Guarapari, ao Rei [D.João Vi] a pedirem a reconduão do Ofício de Ouvidor Geral Mateus Nunes Jose de Macedo pelos bons serviçõs prestados a Capitania do Espirito Santo. ass.
        CTA:AHU-Espirito Santo,cx 03 doc.58 cx.02 doc.04 e CT:AHU-ACL-CU-007,cx.03 doc. 279 - Repúblico, pai de:

        1. Hipótese: Gil Freire de Andrade c.c. Catharina Pereira - já falecidos em 1805, pais de:

          1. Antonio Correia de Andrade c.c. Thereza de Jesus Maria

          2. Hipótese: Miguel Freire de Andrade c.c. Roza Maria

          3. Hipótese: Gil de Andrade cc. Maria Nunes, filha de Luzia do Couto

          4. Hipótese: Manoel Freire de Andrade c.c. Joaquina Ferreira, pais de:

            1. Andre Freire de Andrade c.c Maria Ferreira da Encarnação, filha de Antonio Gomes de Jesus e Victoria Ferreira da Encarnação, pais de:

              1. Virginia b~ pág. 47 05/3/1854 (branca) [37]


      3. (hipótese, pelo nome) Cap. Maurício de Lemos de Andrade, nascido em 1691 (ou 1698, de acordo com outro documento) e que em 1732 estava escrivão da Câmara de São Salvador. Em 1749 era vereador em 1751 estava no cargo de juiz de órfãos.
        Foi casado com Maria da Encarnação de Jesus (segundo Alberto Lamego).


      4. (hipótese, pelo nome) Cap. Antonio de Lemos de Andrade, nascido cerca de 1696 e casado com Natália Barreto de Jesus, filha de Gregório Barreto de Mendonça e Luzia de Oliveira.
        Ele estava escrivão na vila de São Salvador em 1737. Deixaram os filhos listados no tit. CORDEIRO DE ALVARENGA.


      5.  (hipótese) Os pais de:

        1. Manuel Barboza de Andrade, residente em São João da Barra em 1730, quando foi preso em São Salvador por não pagar por um fumo que comprara a Antonio da Cunha e vendera a Pantaleão Ferreira de Andrade.

  2. Jorge Muniz, casado. Pai de:

    1. João da Costa, casado com Maria Teixeira. Pais de:

      1. Francisco Teixeira da Costa, casado com sua parenta Teodósia de Lírio (banhos de 1717), filha de João Leitão e Inês do Couto. Com os descendentes já anotados acima.

    2.  (hipótese) Estêvão Rodrigues da Guarda, vivente em São Salvador no ano de 1710.

    [71]

http://marcopolo.pro.br/genealogia1/paginas/famES_C.shtml


 

INÍCIO      BIBLIOGRAFIA     LINK     ÍNDICE     INVENTÁRIOS     OUTROS